27Maio2018

NOTÍCIAS GERAL Estudantes promovem encontro para discutir sobre políticas públicas no combate ao Feminicídio
e-mailmarketing082015

farmacias-de-plantao

Estudantes promovem encontro para discutir sobre políticas públicas no combate ao Feminicídio

O evento será aberto ao público, e não precisa realizar inscrição

Estudantes-promovem-encontro-para-discutir-sobre-polticas-pblicas-no-combate-ao-Feminicdio

Encontro acontece dia 23 de abril, na Faculdade Pitágoras em Linhares e contará com presença de autoridades da Defensoria Pública Estadual, do Poder Executivo Estadual e Poder Legislativo Nacional, e da Polícia Civil Estadual.


Fique EM DIA com notícias relacionadas à GERAL.

CNH Social 2018: Detran divulga lista de contemplados na primeira fase

Ministério Público adota providências sobre aumento repentino de preços da gasolina no ES


O panorama de feminicídio no Brasil é grave: a cada dia, 13 mulheres são assassinadas no Brasil. É por conta desse cenário preocupante que, no dia 23 de abril, acontece o primeiro Bate Papo Acadêmico, sobre "O PAPEL DO ESTADO NO COMBATE AO FEMINICÍDIO – Desafios Encontrados e Ações Desenvolvidas", no auditório da Faculdade Pitágoras, organizado por estudantes de duas faculdades de Linhares.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, um terço dos homicídios de mulheres no mundo – 35% – são cometidos por seus companheiros, enquanto 5% dos assassinatos de homens são cometidos por suas parceiras. Já a projeção da Organização das Nações Unidas é que 70% de todas as mulheres no mundo já sofreram ou irão sofrer algum tipo de violência em algum momento de suas vidas. Em 2016, um terço das mulheres no Brasil – 29% – relataram ter sofrido algum tipo de violência. Delas, apenas 11% procuraram uma delegacia da mulher e em 43% dos casos a agressão mais grave foi no domicílio.

O evento será aberto ao público, e não precisa realizar inscrição. Além disso, para estudantes, haverá certificado de hora complementar.

O painel será mediado pela Doutora em Sociologia, e membro do Colegiado Social e de Defesa Pública Ludimila Caliman Campos. Ao final da conversa, os participantes terão oportunidade de fazerem perguntas e questionamentos pertinentes ao tema.

Redação Portal Linhares Em Dia 


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Se achar algo que viole os TERMOS DE USO, denuncie. Leia as PERGUNTAS MAIS FREQUENTES para saber o que é impróprio ou ilegal. 

Siga-nos no FacebookTwitter e YouTube.

Convidamos você a fazer parte dos nossos canais nas redes sociais e navegar pelo nosso Portal de notícias Linhares Em Dia.