25Junho2019

NOTÍCIAS GERAL Padre Paulo Bosi Dal’Bó é escolhido novo bispo da Diocese de São Mateus

farmacias-de-plantao

Padre Paulo Bosi Dal’Bó é escolhido novo bispo da Diocese de São Mateus

O anúncio foi publicado no site do Vaticano nesta quarta-feira (21).

Padre-Paulo-Bosi-DalB-2 O padre Paulo Bosi Dal’Bó, 53 anos, foi nomeado como novo bispo de Diocese de São Mateus. O anúncio da nomeação foi publicado no site oficial do Vaticano na manhã desta quarta-feira (21). Vigário geral da Diocese de Colatina e pároco da paróquia de Itaguaçu, padre Paulo recebeu emocionado a notícia de que havia sido escolhido pelo papa Francisco para assumir o pastoreio da Diocese de São Mateus. Em 25 anos da história da Diocese de Colatina esta é a primeira vez que um membro do clero é nomeado bispo.

Em sua fala, padre Paulo, que é compositor e escritor, leu a letra da canção “Que palavra é essa?”, de sua autoria, para expressar o momento por que está passando. “Palavra faz o coração falar, palavra faz o coração sentir, palavra impossível de esconder, enganar, negar e não ouvir”, declamou.

A origem do novo bispo

Padre Paulo Bosi Dal´Bó é natural de Rio Bananal (ES), nascido em 27 de agosto de 1962. É filho de Dionísio Dal’Bó e Iolanda Claris Bosi Dal’Bó. É formado em Ciências Contábeis, com especialização em Psicologia da Educação e Psicologia do Desenvolvimento. Cursou Filosofia e Teologia no Instituto de Filosofia e Teologia da Arquidiocese de Vitória (IFTAV). Também possui pós-graduação em Comunicação Social pelo SEPAC (SP).

Recebeu a ordenação presbiteral em 10 de junho de 2000, na paróquia Nossa Senhora do Rosário de Fátima. Em sua trajetória sacerdotal exerceu diferentes atividades. Atuou como formador do Propedêutico, vigário paroquial em Marilândia, reitor do Seminário Diocesano “Maria, Mãe da Igreja” (2006 a 2010), além de coordenador diocesano da Pastoral e Serviço de Animação Vocacional (2004 a 2010). Foi representante dos presbíteros, membro da Pastoral Presbiteral e do Colégio dos Consultores. Em julho de 2015, foi eleito vigário geral da diocese.

No período de 2003 a 2008, atuou como membro da diretoria da Organização dos Seminários e Institutos do Brasil (Osib) do regional Leste II e da diretoria nacional da mesma entidade. De 2008 a 2010 foi presidente nacional da Osib, participando como membro do Conselho Episcopal e Conselho Permanente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).Entre as obras publicadas destacam-se “Estar de bem com a vida” e produções sonoros, sendo três CDs: “Cantando com o jovem”, “Meu Profeta” e “Vida, Sonhos e Canções”, além de outras composições.

Redação Portal Linhares Em Dia

Com informações do site da Diocese de Colatina


Fique EM DIA com notícias relacionadas

GERAL

Canal que leva água do Rio Doce para fábrica de celulose da Fíbria em Aracruz é alvo de CPI

Homem morre ao cair de escada no bairro Interlagos, em Linhares